Facebook
Twitter
Youtube
Flickr

Notícias

Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra

Data foi celebrada neste domingo (20) e até o fim de novembro ainda acontecerão atividades
Data de inclusão: 21/11/2022 16:33

O Dia Nacional da Consciência Negra (20 de novembro) conscientiza sobre a força, a resistência e o sofrimento que a população negra viveu no Brasil desde a colonização. Para abordar e debater a temática em sala de aula, unidades da Rede Municipal de Ensino de Itajaí promoveram uma série de ações ao longo das últimas semanas. Até o fim do mês, ainda há outras atividades programadas.

Com o objetivo de reforçar a valorização da cultura afro e combater o racismo e o preconceito, a Escola Básica Maria Rosa Heleno Schulte, do Espinheiros, trabalha, desde o início do mês de novembro, a temática da Consciência Negra com os seus 700 alunos. Nesse período, teve oficina e dramatização com as bonecas Abayomi e outras atividades e abordagens para trabalhar a diferença com os estudantes da unidade. No dia 25 de novembro, a escola vai promover o encerramento das ações.

Os 120 alunos do Centro de Educação Infantil (CEI) Cândida Vargas, do bairro Cabeçudas, fizeram vivências relacionadas às literaturas "As bonecas da Vó Maria", "Menina bonita do laço de fita" e "Bruna e a galinha de Angola". A partir disso, eles confeccionaram máscaras africanas, bonecos de argila, pinturas em tela, galinha de Angola e ainda participaram de uma experiência com as famílias sobre a história e confecções de bonecas Abayomi.

A ação cultural do CEI Leonídia dos Santos Vicente foi desenvolvida pela professora de Múltiplas Linguagens, Núbia Maiara Garcia Ráio Ferreira, com um projeto de música e diversidade étnico-racial, com ênfase na cultura africana. A unidade ainda contou com a participação do grupo de percussão da Banda Filarmônica de Itajaí, que apresentou músicas africanas.

“As crianças ficaram encantadas com a oportunidade de conhecer e tocar os instrumentos, interagir com os músicos, ouvir e apreciar as músicas apresentadas. Foi um momento cultural e de grande aprendizado. O grupo de percussão ainda aproveitou o momento após as apresentações para brincar com as crianças no pátio, transmitindo afeto e carinho. Foi uma visita incrível”, destacou a diretora Grasiela Schroeder Brand.

No Grupo Escolar Guilhermina, 280 alunos se envolveram em ações alusivas durante a semana da Consciência Negra. Entre as diversas atividades e trabalhos, foi realizada a construção de objetos com materiais recicláveis que remetem à cultura africana, produção de máscaras e brincadeiras. Além disso, cada turma ficou responsável por produzir um trabalho referente à temática e a exposição foi aberta para visitação dos pais e familiares dos estudantes.

Já o CEI Elizabeth Malburg, do bairro Barra do Rio, promoveu um almoço e jantar com comidas típicas da região africana. Foi a "2° feijoada do Kizomba", que contou com a participação de 120 crianças. As vivências promovidas tiveram como objetivo reconhecer e fortalecer a herança africana e os valores da cultura afro-brasileira em nossa comunidade.

"Para atingir o objetivo, as crianças realizaram vivências ao ouvir e dançar músicas africanas, tiveram momentos de contação de história e, no final, tiveram a oportunidade de apreciar uma comida típica da região. Nossos agradecimentos a todas as professoras e profissionais do CEI, que fizeram de tudo para que o nosso evento fosse um sucesso", afirmou a diretora do CEI, Veruska Rodrigues Pucci.

Africanidade nos CEDINS

O Centro de Educação em Tempo Integral (CEDIN) Napoleão de Souza, do bairro São Vicente, vai promover na próxima quarta-feira (23), nos períodos matutino (9h) e vespertino (14h), o evento “Africanidade nos CEDINS”, que vai envolver os sete centros do Município e a educação integral da Escola Básica Aníbal César. O evento ocorrerá no CEDIN Napoleão de Souza (rua Cingapura, nº 250) e terá uma série de apresentações musicais e de dança.

“Será um grande evento em que contemplaremos os vários ritmos, a cultura e a diversidade do povo africano, em um grande intercâmbio cultural entre os nossos Centros de Educação em Tempo Integral. Serão apresentações muito ricas e que, com certeza, encherão os olhos dos espectadores”, disse Anilton Cristóvão de Souza, diretor do CEDIN Napoleão de Souza. 

Imagens relacionadas

Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Unidades de ensino realizam ações alusivas ao Dia Nacional da Consciência Negra
Facebook
Twitter
Youtube
Flickr
Todos os direitos reservados © 2022- Município de Itajaí